Comida de hotel - Comida brasileira, feijoada com arroz, farofa e couve

Lugar de alimento é no prato, não no lixo

Lugar de alimento é no prato, não no lixo

Consumo consciente é fundamental para que famílias não passem fome

por Maria Inês Dolci

Em um país no qual mais de 30 milhões de pessoas passam fome, é uma insanidade desperdiçar comida. Mas isso continua acontecendo. O Senado aprovou proposta que muda a lei que criou o Sisan (Sistema Nacional de Segurança Alimentar Nutricional), para que passe a apoiar a criação de redes de coleta e doação de comida para entidades assistenciais. Nós, consumidores, temos de parar de jogar comida fora.

O consumo consciente é fundamental para que tenhamos um planeta menos poluído e em que famílias não passem fome. O PL (projeto de lei) aprovado pelo Senado (que segue para a apreciação da Câmara dos Deputados) prevê multas e até prisão domiciliar para quem jogar fora alimentos em condições próprias para consumo.

Segundo matéria publicada no site do Senado, o total desperdiçado representa 10% dos alimentos disponíveis, e seria suficiente para alimentar mais de 13 milhões de pessoas.

Em casa e nos restaurantes, uma das formas recorrentes de jogar comida fora é servir mais do que podemos comer. Repita quantas vezes quiser, mas evite encher o prato, pois talvez não coma tudo, e as sobras irão para o lixo.

Não prestar atenção aos prazos de validade também contribui para o desperdício. Confira a data antes de colocar os produtos no carrinho do supermercado. Só compre itens próximos ao vencimento se tiver certeza de que os consumirá em seguida.

Também devemos aproveitar mais frutas, legumes e verduras. Muitos talos, folhas, cascas e sementes são descartados sem justificativa. Em uma busca rápida, encontramos diversas receitas com talos de brócolis, folhas de beterraba e cascas de banana (sim!), dentre outras.

Compre quantidades menores de peixe e de outros alimentos mais perecíveis. Deixe para colocar maionese e outros condimentos no prato, durante a refeição, para não correr o risco de ter de jogar fora grande parte da salada que sobrar.

Informe-se sobre a forma mais indicada de guardar alimentos na geladeira e no freezer.

Devemos, também, reaproveitar as sobras de refeições. Há até um reality show no streaming –Requentados Repaginados (Netflix)– em que os participantes têm de criar pratos saborosos somente com sobras. É surpreendente o que eles conseguem fazer com restos que ficaram na geladeira.
Não jogue comida fora!

Maria Inês Dolci
Advogada especializada na área da defesa do consumidor.

Fonte: FSP 30/11/2022

Deixe seu comentário

Esquerda  News Gostaríamos de mostrar notificações para as últimas notícias e atualizações.
Fechar
Permitir Notificações