Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Por que algumas pessoas sentem vontade de espirrar ao olhar para o sol?

Por que algumas pessoas sentem vontade de espirrar ao olhar para o sol?

Sair de um ambiente escuro para outro iluminado pelo Sol pode fazer algumas pessoas sentirem vontade de espirrar. Se esse tipo de reação lhe é familiar, é possível que você faça parte do grupo de indivíduos com “espirro fótico”.

Afetando 30% da população americana, a Síndrome de Explosão Hélio-Oftálmica Autossômica Dominante (ACHOO) é uma condição que gera espirros ao se expor às luzes fortes. Além dos raios solares, a reação pode surgir no contato com flashes de câmeras e celulares ou ao acender a luz em um quarto escuro.

Um simples olhar para o Sol pode desencadear espirros sucessivos. (Fonte: Getty Images / Reprodução)

O reflexo fótico do espirro, outro nome pelo qual o fenômeno é chamado, tem sido notado desde a Antiguidade. Um dos registros mais antigos sobre ele vem do século IV a.C., quando o filósofo Aristóteles questionou: “Por que alguém fica mais propenso a espirrar depois de olhar para o Sol?”.

De modo geral, a síndrome ACHOO não é grave nem causa maiores problemas para quem sente o nariz coçar em ambientes ensolarados, como afirmam especialistas. No entanto, dificuldades podem surgir se a pessoa começar a espirrar descontroladamente enquanto opera máquinas pesadas, por exemplo.

O que causa o espirro fótico?

Sair de um ambiente escuro para outro fortemente iluminado leva à reação. (Fonte: Getty Images/Reprodução)
Sair de um ambiente escuro para outro iluminado leva à reação. (Fonte: Getty Images / Reprodução)

Não há um consenso sobre o que desencadeia os espirros fóticos. Uma das possibilidades é que a reação seja associada à estimulação do nervo trigêmeo, responsável pelas sensações na face, causada por luzes mais fortes, provocando o espirro como resposta.

A síndrome também pode ter relação com o desvio do septo nasal ou com enxaquecas, conforme estudos feitos em 1995 e 2019, respectivamente. Outra explicação possível é a generalização parassimpática, que consiste no estímulo a uma área do sistema nervoso parassimpático levando à ativação de mais partes do corpo.

Já uma pesquisa feita pela empresa 23andMe em 2010 sugere a ligação dos espirros causados pela luz solar com fatores genéticos. Ou seja, a síndrome pode ser transmitida para os filhos caso um dos pais tenha a condição, como afirmam os autores.

Há formas de evitar os espirros causados pelo Sol?

Óculos escuros e chapéu podem ajudar a minimizar os sintomas. (Fonte: Getty Images/Reprodução)
Óculos escuros e chapéu podem ajudar a minimizar os sintomas. (Fonte: Getty Images / Reprodução)

Como não existe tratamento para a síndrome ACHOO, quem sofre com o problema pode evitar a reação minimizando a exposição repentina à luz solar ou outra iluminação mais forte. O uso de óculos escuros e/ou chapéu é uma medida importante para prevenir esses espirros.

Outra opção é a técnica de pressionar a área entre o nariz e os lábios com o dedo, como se você estivesse fazendo um bigode, ao sair de um local escuro para uma área bastante iluminada. Isso substitui a irritação causada ao nervo trigêmeo pela luz forte, evitando os espirros descontrolados.

As informações apresentadas neste post foram reproduzidas do Site Mega Curioso e são de total responsabilidade do autor.
Ver post do Autor

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Postes Recentes

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO

Redes Sociais: